06 Vem e Vai

(Antonia Adnet / Ana Clara Horta)

Seja o que for e virá
Vale o que é hoje, agora
O amanhã não nos pertence
E o futuro dirá

Só depois que o dia raiar
Pra nós, só nós
Aqui, instante sempre presente

Inconsequente
Mais um minuto se vai só
Sim, basta apostar pra viver
Sem ter medo ou razão pra esconder

Deixa que o claro te enfeite de azul
Todo luar, claro será agora
Toda manhã há de chegar na hora
Todo momento voa como um vai e vem

Voltar para página do cd

arranjo/violão/voz Antonia Adnet
guitarra Ricardo Silveira
piano Ricardo Rito
cello Hugo Pilger
contrabaixo Jorge Helder
bateria Rafael Barata
percussão Bernardo Aguiar